Home » Woollahra, um bairro verde escondido no meio da cidade

Woollahra, um bairro verde escondido no meio da cidade

Austrália | outubro 2015 |

Um programa delicioso para se fazer em Sydney é passar o dia descobrindo os segredos de Woollahra, o bairro mais charmoso da cidade.

Um verdadeiro tesouro no meio da cidade, cercado por Bondi, Double Bay e Paddington e a apenas 5 minutos a pé da Oxford Street, Woollahra (palavra aborígene que significa “ponto de encontro”), é um bairro famoso por suas lojas de antiguidade e galerias de arte. Mas ele tem muitos outros segredos para se desvendar. Caminhando pelas ruas tranquilas e arborizadas do bairro, em meio às terrace houses de estilo vitoriano, você encontrará cafés fofos, floriculturas, lojas de decoração “de babar” e até um açougue de luxo.

Para tomar café:

Flat White

Esse é o café predileto dos moradores de Woollahra. Os baristas de lá produzem blends exclusivos com grãos trazidos da Etiópia, da Nicarágua, de Java etc.

Algumas delícias para experimentar: pão de banana, o hotcake de ricota com morango, banana e açúcar de canela e o ovo pochê em torradas com espinafre.

Sente-se na janela e respire…

End: 98 Holdsworth Street

flat white

omeletes e panquecas do flat white

Para gastar

The Bay Tree

Paraíso para as pessoas que gostam de cozinhar! Um shopping repleto de panelas, copos, toalhas de mesa, talheres assinados e gadgets que facilitam a vida… Imperdível.

End: 82 Queen Street, Woollahra

 Kerrie Brown

Uma loja linda de decoração e tecidos. Estampas originais em toalhas, papeis de parede, luminárias, almofadas. Tudo 100% made in Australia.

End: 9 Edgecliff Rd, Woollahra.

LESLEY MCKAY BOOKSHOP

Essa livraria independente é incrível. É uma pena não poder carregar muitos livros na mala de volta para o Brasil.

End: Shop 3, 128 Queens St, Woollahra. (entrar pela Spicer St)

Para babar

O açougue mais fantástico que eu já conheci: Victor Churchill

Fundado em 1876, esse açougue inicialmente distribuía carnes em charretes pelo bairro.

A decoração é sofisticada e apresenta um design ultra-moderno. Muita madeira, muito cobre, e muito mármore. Na entrada tem uma grande vitrine onde ficam exibidas as carnes nobres. Os detalhes forrados em couro emolduram a preparação dos patês e das terrines, feita alí mesmo pelo simpático staff que também dá dicas de como cortar as carnes e elaborar receitas.

Até as embalagens são lindas. Não saia de lá sem seu rib.

Atenção, foodies: vocês podem agendar um tour pela loja para aprender sobre a sua história, o universo das carnes premium, formas de preparo…e, de quebra, experimentar alguns cortes frescos.

End: 132 Queen St, Woollahra

Simon Johnson (a flagship)

Uma grande delicatessen na esquina da Queen Street. É lá que fica uma sala enorme com os melhores queijos do mundo. Experimente todos que puder: overdose de lactose. A loja vende também delícias exóticas como essência de baunilha de Madagáscar e trufas francesas (super perfumadas). No andar de cima você encontra todo tipo de utensílios para cozinha. De pirar.

Atenção foodies 2: a loja vende um kit de gastronomia molecular do Ferran Adriá, aquele chef catalão ultra premiado.

Para almoçar

CHISWICK

Esse restaurante é demais. Eles cultivam uma horta no local e basicamente tudo o que servem no cardápio é produzido lá e na fazenda dos proprietários.

O ambiente é super ensolarado e as janelas de vidro te fazem sentir no campo. Sente-se na mesa comunitária e peça as diversas opções de tapas.

End: 65 Ocean Street, Woollahra

Outra opção incrível (e menos light) para o almoço é o Wieczorkowski. Comida polaca! Isso mesmo. Uma experiência no meio de Sydney.

Dos clássicos da cozinha polaca, sugiro a salada de truta que é divina e a barszcz (sopa de beterraba).

Se você for lá para um brunch, não perca a omelete com alho-poró, cogumelo selvagem, manteiga de trufas e centeio. Um luxo.

Para terminar, manda ver no cheesecake da casa que leva um limãozinho suave e tem massa bem fininha.

Se estiver em condições, depois de toda a fartura, dê um passeio pela lojinha do restaurante e compre algumas delícias típicas como geleias, mel de todo tipo, biscoitos finos…

End: 78 Queen Street

Arte

Olsen Irwin Gallery

A galeria de Rex Irwin e Tim Olsen apresenta um amplo e variado acervo de arte contemporânea: australiana e internacional. O calendário de exposições que rolam por lá é intenso. Se der sorte, você pode passar por lá enquanto estiver rolando uma vernissage.

End: 63 Jersey Road Woollahra

olsen irvin

Para levar pras crianças

Jill and Jack

Se você tem filhos ou simplesmente quer experimentar uma nostalgia da sua própria infância, passe na Jill and Jack. Uma loja única, exclusiva e que traz uma cuidadosa seleção de brinquedos (muitos educativos) e roupinhas para bebês e crianças. Além de objetos de decoração infantis. Tudo muito lúdico.

End: 83, Moncur Street

JILL AND JACK PARA CRIANÇAS

Para Drinks

The Woollahra Hotel

Só uma explicação antes: Todo pub que é aberto ou já funciona na Austrália, tem a palavra ‘Hotel’ em seu nome ou fachada. Isso porque uma lei do século XIX prega que todo pub/bar que vende bebida alcoólica deve também ter quartos para alojamento. Essa foi uma lei forçada por conservadores cristãos da época e vigora até hoje.

Bem, o Woollahra Hotel é um espaço interessante de eventos e que abriga o high-end Bistro Moncur. É um restaurante bem tradicional e famosão.

Mas eu recomendo encontrar os locais no Bar Terrace que fica no andar superior. Ele é mais informal do que o Moncur e costuma ficar super animado no fim das tardes de semana e nos sábados. Tente chegar cedo para conseguir uma mesa na varanda. O cardápio tem todo tipo de comfort food: de burguers a pizzas.

End: 116 Queen Street

Para se hospedar

NO.84

E se você se apaixonar por Woolhara a ponto de querer se hospedar lá, na próxima vez, sugiro o fofo do NO.84. É um apartamento decorado, todo equipado. Quarto, cozinha, sala de estar. Reserve com antecedência.

End: 84 Queen St, Woollahra - (entrada pela Smith Street).

Tire suas dúvidas

Entre em contato para mais informações sobre este destino