Home » Six Senses Laamu – Resort romântico para lua de mel nas Maldivas 

Six Senses Laamu – Resort romântico para lua de mel nas Maldivas 

Ásia | maio 2018 |
lua de mel nas Maldivas 

Destino certeiro para viver um romance, relaxar e curtir algumas das praias mais bonitas do mundo, as Maldivas convidam a uma estadia sensorial 

Veja o o porque você deve passar sua lua de mel nas Maldivas!

Quando se pensa no arquipélago Maldivas, logo vêm à mente praias de areias claras e mar azul-turquesa. Destino de sonho para quem busca sol e lindas paisagens, o arquipélago soma mais de 1190 ilhas divididas em 26 atóis no Oceano Índico. Na capital, Male, o visitante encontra boa infra-estrutura e tem facilidade para se movimentar entre os atóis. Os atóis são ilhas oceânicas em forma de anel, que acabam formando e emoldurando lagoas em seu interior.

Tanto no Atol Norte quanto no Atol Sul, tendo Male como ponto central, uma das experiências imperdíveis é o mergulho. A rica fauna marinha das Maldivas, repleta de espécies de peixes e corais. Nos hotéis e resorts, você tem a chance de mergulhar e praticar diversos esportes náuticos, além de passear pelas centenas de ilhas do arquipélago.

Escolher o hotel para passar a lua de mel nas Maldivas não é tarefa fácil, pois as opções são inúmeras. Tem gente que prefere evitar o hidroavião e restringe a escolha para ilhas mais próximas a Male, onde o trajeto até o hotel é feito de barco.

Mas o traslado não deveria ser um empecilho, pois um dos melhores hotéis das Maldivas fica a 50 minutos de avião do aeroporto principal do arquipélago. Esse vôo não é feito com hidroavião e sim com um avião de cerca de 50 lugares. Sem contar que a vista do voo é impressionante. Água cristalina, ilhas isoladas no meio do nada e um maravilhoso dégradé na paisagem.

Para chegar ao paraíso, o trajeto sugerido saindo de São Paulo ou Rio de Janeiro, é com a Emirates, com escala em Dubai. São 14 horas de vôo mais 4 horas até Male. De lá, pega-se o avião até o aeroporto de Kadhdhoo. Pronto. Em 15 minutos de barco, você está no Six Senses Laamu.

A experiência já começa no barco, quando os visitantes recebem um saquinho para guardar os sapatos e “ficar descalço” durante toda a estadia. É isso aí, pé na areia e sem frescura, para sentir a energia e revigorar o corpo. Pode ser que, durante esses 15 minutos, alguns golfinhos venham dar as boas vindas.

Chegando no hotel, a equipe toda é apresentada aos hóspedes e o principal, cada um deles conhece o seu mordomo, responsável por atender a todas as suas vontades durante a estadia. Todos muito simpáticos, com sorriso no rosto pronto para te atender da melhor maneira possível!

No Atol de Laamu, o Six Senses é o única estrutura hoteleira.  São 97 villas espalhadas pela ilha –aproximadamente 30% são beach villas e o restante é over water. O sonho dos honeymooners! Uma informação bacana é que a boa parte da estrutura do hotel fica over the water: recepção, diving center, Chill Bar, o restaurante do café da manhã, a adega etc. Uma dica é levar a sapatilha para mergulhar, para conseguir entrar na água em todos os lugares sem machucar os pés nos corais.

Muito completo, o resort dispõe de cinco restaurantes, todos excelentes e com menus variados! O que é ótimo para estadias mais longas, assim não se enjoa de nada! O leque de atividades disponibilizadas pelo hotel é vasto, water sports, mergulho, snorkeling, cinema ao ar livre, kids center, academia, yoga e muito mais.

Nesse lugar paradisíaco, uma parada no spa é obrigatória para completar a experiência. As massagens são revigorantes e energizantes, o que contribui para uma estadia em que o objetivo é relaxar e esquecer do mundo. Para quem gosta ou procura uma orientação específica (super recomendo!), é possível marcar uma consulta com um médico especializado na medicina Ayurveda. Ele faz um “screening” do seu corpo com aparelho super high tech e mede diversos aspectos do seu metabolismo. Com esses dados, em um bate papo tranquilo, passa diversas dicas e sugere tratamentos alternativos para uma vida mais saudável. Mas aqui não estamos falando de quantos quilos cada um pesa, e sim no funcionamento do organismo como um todo, da parte física àquela nervosa e emocional.

Destino estrelado também no mundo do surfe, perto do hotel há 3 pontos conhecidos dos surfistas e outro em que se pode chegar remando. O importante é ir na época certa, que vai de junho a setembro. Para o surfistas podemos criar uma programa de surf específico junto com a Tropic Surf, especializada no assunto!

Como já contamos no post sobre o Six Senses de Omã, a filosofia Six Senses é de tirar o chapéu. Um resort que pensa no todo, na saúde do planeta e dos hóspedes. Sensorial e sensacional!

Ah, importante: a vacina de Febre Amarela é obrigatória.

Entre em Contato

Ligue para +55 11 3287 6886 ou deixe sua mensagem