Home » Pôr-do-sol na Casapueblo em Punta del Leste

Pôr-do-sol na Casapueblo em Punta del Leste

Uruguai | maio 2016 |

Sin locura no hay grandeza.” A frase do artista plástico Carlos Paez Vilaró chama a atenção em um pôster da lojinha da Casapueblo, o ateliê do pintor uruguaio, em Punta Ballena (na entrada de Punta del Leste, para quem vem de Montevidéu). A história da Casapueblo soa mesmo como loucura. Começou nos anos 60, com uma cabana de madeira, erguida pelo próprio artista, com a ajuda de pescadores, em uma praia então desolada. A canção “A Casa” (Era uma casa muito engraçada/não tinha teto, não tinha nada), de Vinicius de Moraes, foi inspirada na história inusitada desse lugar onde Vilaró, também escritor e compositor, recebeu artistas, pintores e intelectuais de todas as partes do mundo.

Punta del Este Turismo

Aos poucos, a construção, à la Gaudi, ganhou teto, paredes e cresceu organicamente sob a encosta –de onde se tem uma das vistas mais espetaculares de Punta. Hoje, é um museu, um dos principais pontos turísticos locais e também abriga uma antiga pousada. O misto de ateliê e museu conta com diversas salas com portas e janelas abertas para o mar, onde se encontram as esculturas e telas de tintas fortes de Vilaró, que morou na casa e pintou até o último dia de sua vida, em 24 de fevereiro de 2014. O artista teve sua vida marcada também a um drama internacional: seu filho, Carlos Miguel, foi um dos sobreviventes do avião da Força Aérea uruguaia que caiu na Cordilheira dos Andes, em 1972 –uma história comovente, que virou filme.

Punta del Este Turismo

Além de oferecer uma vista sensacional para o mar, na Casapueblo, os visitantes são convidados a assistir ao pôr-do-sol, ao som do poema “Ceremonia del Sol”, em uma gravação feita por Vilaró, no terraço da Casapueblo. É um dos programas mais tradicionais e turísticos de Punta, mas, nesse caso, vale entrar no cartão-postal, com disposição para compartilhar o espetáculo, entre selfies de turistas de todas as partes do planeta, bebericando uma taça de vinho branco gelado. No poema, o artista agradece ao Astro Rei por tudo o que ele traz de bom a cada dia, e se despede: “Até amanhã, Sol!”. A bola de fogo alaranjada desaparece lentamente no horizonte, entre aplausos (e lágrimas) da plateia.

Punta del Este Turismo

Vá lá:

Endereço: Ruta Panoramica (saída da Ruta Interbalneária, a caminho de Punta Ballena). Há indicações com placas.

Preço para assistir o pôr-do-sol: a consultar.

Site: www.carlospaezvilaro.com.uy/nuevo/museo-taller/

 

FOTOS: Felipe Gombossi

 

Veja mais artigos da coluna Os Cinco Sentidos aqui.

Entre em Contato

Ligue para +55 11 3287 6886 ou deixe sua mensagem