GO UP

O que não perder em Melbourne

Em diversos rankings internacionais, Melbourne é considerada uma das melhores cidades para se morar.

Contudo durante o meu intercâmbio aprendi que Melbourne é também uma das cidades mais caras da Austrália, além de na maioria do tempo, ser fria e chuvosa por ser bem no sul do país. Mas uma visita é válida!

Passamos três dias em Melbourne e foi o suficiente para conhecer os principais pontos. Ficamos hospedados no Hotel Intercontinental, muito bem localizado.

O que visitar em Melbourne

Melbourne diferente de Sydney é mais “compacta”, ou seja, você consegue conhecer as coisas com mais facilidade, porque tudo é mais perto. Veja a lista abaixo com as minhas sugestões do que visitar em Melbourne:

  • Federation Square – é o “centro” da cidade! Você vai encontrar a maioria das atrações por perto. Lá eles têm um centro cultural, um museu, cinema, muitos restaurantes e a estação de trem.
  • Alexandra Gardens – é um parque bem grande, e é uma ótima opção para ir fazer um picnic ou simplesmente dar uma volta. É do lado do rio principal onde você observa muitas pessoas fazendo atividades aquáticas como a canoagem!
  • Art Gallery – (National Gallery of Victoria) a galeria de arte é maravilhosa por si só e é vizinha do Alexandra Gardens! A entrada é gratuita e você pode visitar a exposição de graça. Dentro além da exposição, você também encontra um café bem charmoso e uma lojinha. Na parte externa, tem um espaço de convivência muito gostoso para passear também.
  • Artists Market – é uma feirinha de artesões que acontece no final de semana. Muito legal de conhecer e fazer umas comprinhas! Você encontra diversos estilos de artistas, desde quadros até joias feitas de material reciclado. Nos arredores, as ruas são inteiras grafitadas com muitos desenhos coloridos e a rua onde você desce do bondinho ou ônibus é repleta de restaurantes com muita diversidade! Não é um centro comercial comum, pois lá você encontra muitas lojas customizadas ou mesmo de produtos antigos.
  • Universidade de Melbourne – é uma universidade muito grande! Tem muitas unidades uma perto da outra, todas abertas para visitação. O campus é meio camuflado com a cidade, mas não diria que é uma visita obrigatória.
  • 12 Apostles – infelizmente não fui porque é um passeio de dia inteiro. Mas tanto turistas quanto australianos amam esse lugar! Você vai de Melbourne até 12 apostles pela Ocean Drive, que dizem que é uma estrada com uma paisagem linda.
  • Central Shopping – se você quiser dar uma volta em lojinhas, ir ao cinema o central shopping é gigante e você acha tudo que precisa por lá!

Comida

Café

Brunch

Almoço

  • No rio principal ao lado da praça Federation Square, você encontra muitos restaurantes que beiram o rio e todos são um charme.

Jantar

Esporte

O final de semana que passamos em Melbourne foi para fazer uma prova de bicicleta. O ciclismo é um dos esportes comuns lá, por mais que seja cidade grande, os carros respeitam bastante e você encontra muitas ciclo faixas pela cidade.

Correr no Alexandra Gardens ou na ciclovia do lado do rio principal.

Fazer uma aula de canoagem.

Transporte

Cada estado na Austrália tem um cartão diferente para o transporte. Você compra esse cartão nas lojas de conveniência ao lado dos pontos de transporte público. Melbourne oferece um excelente transporte público além de ter algumas regiões aonde não cobram nada para usufruir do serviço. Lá além de metro e ônibus, você encontra bondinhos elétricos na rua.

Dica: vale muito mais apena optar pelo transporte público do que taxi ou uber, pois na cidade eles priorizam o serviço público e com isso o transito é maior com outros meios de transporte.

Tenho 20 anos, sou estudante de Arquitetura e Urbanismo em São Paulo mas sou principalmente filha de uma pessoa que sempre me incentivou a viajar muito e a cultivar esportes. Hoje meu dilema é “Be fearless in the persuit of what sets your soul on fire”, pois acredito que todas as viagens podem nos render experiências incríveis e como tudo, isso só depende de nós mesmo. Atualmente estou morando em Gold Coast na Austrália por 6 meses e espero poder ajudar compartilhando minhas experiências.

Leave a Reply