GO UP
jazz em berlim

Das Edelweiss: terças de jazz em Berlim

Já devo ter comentado por aqui que Berlim é uma das cidades mais incríveis hoje para os amantes de música. E isso não vale só para os apreciadores de música eletrônica ou rock. Fãs de jazz em Berlim também não ficam parados. A casa Das Edelweiss, por exemplo, é uma ótima pedida para quer curte fritação.

Das Edelweiss é um bar e restaurante de comida alemã em Kreuzberg, um dos bairros mais agitados da cidade. É uma construção antiga e imponente, com mesas na varanda no verão. A pequena sala de shows, no entanto, fica discreta no segundo andar da casa e recebe jam sessions todas as  terças-feiras.

Fui lá pela primeira vez em uma noite de inverno. O frio tinha baixado todas as minhas expectativas – aliás, quem iria sair de casa, em plena terça congelante, para ouvir jazz? Obviamente, eu ainda não conhecia muito bem os berlinenses. Cheguei lá uns 15 minutos antes da banda tomar o palco e a sala estava praticamente lotada. Aprendi que, em Berlim, nunca se deixa para chegar em cima da hora em um show se você quer garantir um bom lugar.

Não só a performance enérgica dos músicos surpreende, mas também a concentração do público, um pessoal jovem e realmente interessado em jazz, um estilo que não é muito tradicional na cidade. Às vezes, inclusive, alguém da plateia sobe ao palco para dar uma canja.

jazz em berlim das edelweiss

As sessions começam normalmente às 22h. Antes de ir ao Edelweiss, aproveite para conhecer um pouco de Kreuzberg e seus infinitos bares e restaurantes. Tem opção lá para todo gosto. Aos vegetarianos, recomendo a lanchonete Rootz, que tem uma variedade incrível e saborosa de sanduíches sem carne, tudo muito barato.

Veja aqui outras sugestões do que fazer em Kreuzberg. 

Das Edelweiss
 End: Görlitzerstraße 1-3
 Tel: +49 (0) 030 695 084 43
Rootz
 End: Skalitzer Straße 75
 Tel: +49 (0) 152 08381703

Thaís Viveiro viaja com a passagem aérea em uma mão e ingressos para shows na outra. Pequenos bares de jazz e grandes festivais de rock fazem parte de suas andanças pelo mundo e de seu dia-a-dia em São Paulo. É jornalista e editora do Rockin´Chair, site sobre shows internacionais no Brasil. Nas horas vagas, escreve sobre stand up paddle no blog WeSUP.

Leave a Reply