GO UP

4 achados do Sul da França

O Sul da França é mágico e provoca os nossos sentidos de uma maneira original. Separei 4 dicas de Provence que aguçaram os meus sentidos, com seus encantos únicos e  sabores singulares.

Tapenades e pastis

Essa acolhedora lojinha, presente em vilarejos como Orange, Avignon e Nyons, é o lugar para brindar ao olfato e ao paladar, degustando as delícias locais: tapenades, azeites, pastis, mel de lavanda, sabonetes etc, em potes charmosos ou a granel. As embalagens são lindinhas, etiquetadas na hora, e os preços bem legais, quase como o das feiras livres –uma atração à parte.”

mathilde

Vinho in box

Uma das melhores coisas da Provence é beber vinho, muito vinho, a preços incríveis (a partir de 3 euros o litro). Dá para parar nas vinícolas e nas cooperativas dos produtores, como a Roaix Seguret, e comprar uma “BIB” (Bag In Box) de 3 ou 5 litros, que têm uma torneirinha –um sonho! Basta etiquetar e levar. Pode apostar nos rosés da região, a maioria deles deliciosos. Você deixa na geladeira e vai bebendo…

vinhosetiquetas

Gordes e Roussillon

Dois vilarejos inesquecíveis: Gordes, com suas casas de pedra sobre uma montanha, fica no distrito de Vaucluse (o mais chic do pedaço) e aparece no filme “Um ano bom”, com Russel Crowe, filmado na Provence. Roussillon tira partido de sua terra colorida para ser degradé. A terra das encostas de seus morros possui diversas cores, do vermelho ao areia, e a cidade parece um ensaio sobre variações de ocre.

gordes

roussillon4

roussillon3

roussillon2

La Maison Rose

Um lugar no meio do nada e perto de tudo, em Malaucène. Trata-se da casa de um casal adorável de franceses, ele arquiteto e artista plástico, ela professora de ioga, que aluga um estúdio anexo com cozinha. Simples, charmoso e com localização estratégica. Precisa mais?

maisonrose3

maisonrose1

Uma caçadora de histórias e maravilhas. Jornalista, escritora, cantora, viajante, cozinheira , aprendiz de dança, sempre em busca da próxima descoberta que desperte os cinco sentidos: o sabor de um novo prato, drink ou vinho (paladar), uma massagem, mergulho ou algo assim relaxante (tato), uma terapia com óleos aromáticos, chás com especiarias ou aquele perfume inédito (olfato), o pôr do sol visto de um rooftop ou as vistas mais incríveis para o mar e as montanhas (visão), e ainda um concerto, show, som ou simplesmente o barulho das ondas, do vento ou dos pássaros (audição). Rosane Queiroz foi editora da revista Marie Claire e da revista de bordo da GOL. Escreve sobre comportamento, gastronomia, sustentabilidade, viagem e lifestyle em publicações como Viagem e Turismo, Vida Simples, Folha de São Paulo, entre outras, além de atuar em produção de conteúdo de texto para livros. É autora de "Musas e Músicas –A mulher por trás da canção" (ed. Tinta Negra), livro reportagem em que conta quem são as musas inspiradoras de canções da MPB com nomes femininos. Na coluna Os Cinco Sentidos, compartilha experiências colhidas em suas andanças e viagens, com os cinco sentidos bem abertos. Mantém o Instagram @oscincosentidos.

Leave a Reply