Home » Luz, Câmera, Pipoca (ou drink) – cinemas em Nova York

Luz, Câmera, Pipoca (ou drink) – cinemas em Nova York

Estados Unidos | outubro 2017 |
cinemas em Nova York film forum

O New York Film Festival chegou em sua 55a edição, a lista ainda é grande para assistir aos filmes da mostra, entretanto, porque não uma curta retrospectiva de longas-metragens desse ano em paralelo com os melhores cinemas em Nova York.

Já adianto que se a expectativa são salas com poltronas que reclinam 90 graus e sushi no menu, esse não é seu post. Os filmes a la Cinemark ficam para as longas horas dentro de um avião, enquanto os mais inusitados para noites sozinhas (porque não?!) com a melhor cia de todas, a sua própria.

Dando início pela região de uptown com um dos meus favoritos; Lincoln Plaza Cinema, um tímido box office na rua, com entrada para as salas de escada rolante. Não se engane, os melhores filmes passam lá, como o simpático “Paterson”, com piadas leves, a very supportive husband e poemas.  Bastante próximo dele, o Film Society Lincoln Center, que pertence sim ao Lincoln Center, em modernas (para os padrões nova-iorquinos) e espaçosas salas; especialmente a nova do outro lado da rua. Culpa do festival francês que estava passando por lá que vi “Right here, Right now” (ou Tout de suite maintenant); história de poder, passado e, a sempre marcante, Isabelle Huppert.

Já em downtown, minha mais nova descoberta, no Greenwich Village, o Quad Cinema, que ainda ganhou um bar anexo depois de sua reforma; cinema todo em vermelho, contudo na medida para os olhos.  “Faces Places” (ou Visages, Villages) foi o então escolhido; no filme o fotógrafo Jr, conhecido pela sua arte em grande escala, se juntou à Agnès Varda, que segue a mesma profissão de Jr, mas da velha guarda. Juntos, eles exploraram pequenas cidades na França, em uma narrativa constituída de pessoas comuns e suas respectivas histórias de vida.

Algumas ruas/quarteirões para baixo, outros de meus queridinhos, mas, destaque para o Angelika Film Center. Não só por ter a melhor pipoca (com auto refil de manteiga – sua artéria já fica tensa só de chegar próximo a ele), como ele é o meu equivalente ao Lincoln Plaza Cinema de downtown. São muitos os longas-metragens que lá vi, para apontar um (difícil tarefa) “The Only Living Boy in New York, “ não só pela história e elenco, mas também pela trilha sonora muito bem aplicada. Atualmente em cartaz “Human Flow,” documentário do artista chinês Ai Weiwei sobre refugiados, recomendado para dias de reflexão.

Próximos ao Angelika, o “Film Forum,” com uma seleção bastante indie – foi lá que vi “Toni Erdmann,” comédia alemã MARAVILHOSA que trata da relação entre pai e filha. Caso tenha ficado em dúvida, da quase paradoxal afirmação de uma comédia-alemã, saiba que ele foi indicado ao Oscar e irá ganhar um remake; com ninguém menos que Jack Nicholson. Por fim, no clássico IFC Centre, “Trip to Spain,” em uma comédia com toque de drama, regada a boa culinária espanhola; e atualmente em cartaz 78/52, um documentário sobre as grandes cenas criadas por Hitchcock.

Sempre falta…

Uptown: Paris (parede com a Bergdorf Goodman)

Downtown: Sushine (Lower East Side)

Além de muitos outros

 

Lincoln Plaza Cinema

1886 Broadway, New York, NY 10023

Film Society Lincoln Center

70 Lincoln Center Plaza, New York, NY 10023

Quad Cinema

34 W 13th St, New York, NY 10011

Angelika Film Center

18 W Houston St, New York, NY 10012

Film Forum

209 W Houston St, New York, NY 10014

IFC Centre

323 6th Ave, New York, NY 10014

Entre em Contato

Ligue para +55 11 3287 6886 ou deixe sua mensagem