Home » Chatêau La Coste – Um brinde à arte na Provence

Chatêau La Coste – Um brinde à arte na Provence

França | agosto 2019 |
chatêau-la-coste

Conhecido como o Inhotim da Provence, o Chatêau La Coste reúne uma coleção de arte grandiosa, uma vinícola, dois restaurantes e um hotel design, entre bosques e vinhedos a perder de vista

Há tempos ouvimos falar super bem do Chatêau La Coste, um hotel que mistura arte, arquitetura, vinhos e gastronomia como poucos,. Tudo isso no pedaço mais charmoso do Sul da França. Tínhamos muita curiosidade de conhecer, e ficamos de queixo caído! Com 200 hectares, a propriedade repleta de vinhedos é uma galeria a céu aberto, a exemplo de Inhotim, com obras de arte ao ar livre e em diversos pavilhões. 

Além dos campos de lavanda, vinhedos e vilarejos encantadores, a Provence respira arte. É a terra do pintor Paul Cézanne, e abrigou artistas como Picasso, Van Gogh, em longas temporadas em busca de sol e inspiração na paisagem provençal. 

Localizado a 15 quilômetros de Aix-en-Provence, o Chatêau vale uma estadia sem pressa ou ao menos um dia de visita. Aliás, é possível fazer um tour guiado de arte e arquitetura para entender melhor sobre cada obra, caso não queira se contentar em passear com o mapa explicativo –o que já é uma delícia! 

O passeio guiado dura cerca de duas horas, custa 15 euros. Entretanto, precisa ser reservado com antecedência pois a procura é enorme. Em meio a bosques floridos e vinhedos, o visitante encontra mais de 20 pavilhões, esculturas e instalações de grandes nomes da arquitetura e da arte contemporânea, incluindo o brasileiro Tunga.

Beber, comer, viver

A vinícola projetada pelo arquiteto Jean Nouvel também pode –e deve –ser visitada! Depois do passeio, nada como uma taça de vinho para ajudar a digerir tanta beleza e informação bacana.  Afinal, o tour de uma hora e meia dá direito a degustação. A entrada custa 12 euros e você pode optar pelo combo que junta arte e vinho, por 20 euros. Nada mal. 

O Chatêau La Coste é também famoso por seus dois excelentes restaurantes. Como, por exemplo, o La Terrace de Tadao Ando, o arquiteto responsável pelo projeto maravilhoso do Centro de Arte.

Mas a estrela maior é restaurante do célebre Francis Mallman, o mago dos grelhados, que trouxe a especialidade argentina para a França, onde você pode degustar a verdadeira parilla com seus cortes de carne especiais.

Energia provençal

A propriedade conta também com um hotel relativamente novo e impecável. No coração dos vinhedos, o Villa La Coste tem uma arquitetura contemporânea, realçada pelo uso de materiais naturais da região. Possui dois níveis cercados por um vão sombreado, todo em pedras típicas da Provence. 

As 28 suítes, entre elas, dez com piscina privativa, oferecem um terraço particular com vista panorâmica do Vale do Luberon. Há ainda os jardins ao redor da piscina, bar, biblioteca e um spa para quem deseja relaxar ainda mais nesse cenário idílico.

A ideia, afinal, é que o hóspede respire a energia provençal e se sinta paparicado pelo staff atencioso e dedicado. Ou seja, para os amantes de arte, decoração e design, o hotel é especialmente o máximo!

Quer mais inspiração de viagem? Quer saber dos eventos mais bacanas que acontecem pelo mundo? 
Siga nosso Instagram e Facebook!

Entre em Contato

Ligue para +55 11 3287 6886 ou deixe sua mensagem